Educação Pública Não é Gasto, é Investimento

Em busca desta compreensão, o Sista esteve presente no lançamento da Frente em Defesa das Universidades Federais, Estaduais e Institutos Federais  do estado de Mato Grosso do Sul, realizado nesta sexta feira (01) no Plenarinho da Câmara Municipal de Campo Grande.

 

Além dos líderes sindicais estiveram presentes representantes das reitorias da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS); Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS) e Instituto Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS), manifestando seu apoio à Frente em Defesa das Universidades Públicas e institutos Federais.

 

A Frente é composta pelos; Sindicato dos Técnicos Administrativos da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (SINTAUEMS); Sindicato dos Trabalhadores em Educação da UFMS e IFMS (Sista-MS), Sindicato dos Trabalhadores em Educação das Instituições Federais (Sintef); ADUFMS-Sindicato; pelo Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior (Andes-SN); pela ADLeste, ADUFDourados e ADUEMS.

A Frente tem como objetivo a união, organização e fortalecimento dos sindicatos em educação pública do estado de Mato Grosso do Sul, abrangendo a luta em prol da “educação pública, em seus diferentes níveis, [que] vem recebendo intensos ataques desestruturando o seu caráter público, gratuito e laico”.

A maioria dos representantes das entidades que compõem a Frente, manifestaram-se contra os crescentes ataques do governo nas universidades públicas. “No ensino superior sofremos com o corte de verbas, que tem intensificado, ao mesmo tempo que permanece o financiamento do setor privado, desconsiderando as necessidades para a manutenção do tripé ensino-pesquisa-extensão que é a base de sustentação das instituições públicas de ensino técnico, tecnológico e superior”.

 

Deixe uma resposta